,

COMO GRANDES EMPRESAS ADAPTARAM-SE AO MOBILE

Alguma vez você precisou pagar uma conta no último segundo? Ou comprar um eletrodoméstico específico para dar de presente para alguém? E procurar qual o melhor investimento do dia ou controlar a movimentação da sua conta?

Antes, você iria ao banco e perguntaria para seu gerente, ficaria na fila do caixa eletrônico ou em uma loja de varejo na rua.

E agora, o que você faz?

Com certeza, pensa em retirar o smartphone do bolso. Os celulares são o principal recurso usado por pessoas que precisam resolver algo, tomar uma ação ou comprar alguma coisa de uma hora para outra.

Cada dia que passa, as pessoas confiam mais nos seus devices para tomar uma decisão rápida. Na verdade, em comparação há um ano, hoje, os usuários de smartphones estão 50% mais propensos a realizar uma compra imediata quando estão usando o aparelho.

O mobile faz parte integral das nossas vidas. E, por ser um canal de marketing que domina nossa atenção na maior parte das vezes, empresas de diversos setores, entenderam como é fundamental explorar esse mercado. Sair do offline e ir para o mobile.

Leia mais

Sabiam que existe funil de mobile marketing?

Imagine que você está no meio de uma negociação pelo Whatsapp e, então, o app trava. Ou ainda que você precisa fazer uma transação bancária de emergência e o aplicativo do banco simplesmente para de funcionar.

Em um mundo cada vez mobile, as nossas atividades profissionais e pessoais estão concentradas no bom funcionamento (ou não) dos apps instalados no nosso smartphone ou tablet.

Tanto que o nível de estresse causado em uma pessoa porque o app trava é quase o mesmo de assistir um filme de terror.

funil-mobile-marketing-atracao

 

Interessante, não?

Leia mais

,

Mobile Coffee: Preparando seu produto para o mundo mobile

Se você é um profissional de marketing de uma grande empresa que está passando por uma reestruturação e, agora, decidiu migrar ou adaptar seus serviços para o mundo mobile – você não pode perder esse post de jeito nenhum.

O tema do 6º Mobile Coffee será justamente sobre a adaptação e transição das grandes empresas para o mobile marketing.

Faltam poucos dias para a sexta edição e estamos a todo vapor para proporcionar aos profissionais de marketing uma experiência realmente enriquecedora em termos de conteúdo.

O 6º Mobile Coffee  acontece dia 31/10 das 19h00 às 22h00 na Moip Pagamentos em São Paulo, SP.

Participem! Vocês serão surpreendidos!  E corre porque as vagas são limitadas!

Se você já participou de algum Mobile Coffee do Mobile Marketing Brasil, promovido pelo RankMyApp, essas informações também vão fazer a diferença para que você curta ao máximo cada instante do evento. Não deixe de ler!


Leia mais

,

VAMOS TOMAR UM CAFÉ E FALAR DE MOBILE MARKETING?

Se você é um profissional que supervisiona ou coordena a área de Produto Marketing ou Mobile em empresas de diversos segmentos que já possuem aplicativos ou querem lançar um, queremos fazer um convite.

Um convite para entender mais sobre otimização das páginas nas lojas, conhecer e entender o comportamento do seu usuário e outras estratégias de Mobile Marketing.

Como vocês sabe, o RankMyApp é uma empresa de Mobile Marketing que em dois anos meio de existência já transformou-se em referência mundial no assunto.

midia paga e aso

Nossa equipe é composta por profissionais que dedicam-se apenas ao estudo de app marketing.

Nosso algoritmo encontra as melhores palavras-chave e pensamos nas estratégias mais adequadas para melhorar seus ranking, ganhar visibilidade e mais downloads.

Leia mais

Mobile Marketing Brasil: O que rolou no painel de Mobile Growth

Quando a RankMyApp idealizou o Mobile Marketing Brasil, a intenção era promover um evento que discutisse as principais tendências dentro do Mobile Marketing.

Também trazer um pouco da experiência internacional em termos mobile growth, retargeting e utilização de deep linking para o mercado brasileiro.

A ideia era apontar nortes e apresentar dicas para os empreendedores aprimorarem os seus apps.

Mostrar tendências e enriquecer o debate em termos de aquisição e retenção de usuários.

Compartilhar informação, engajar a comunidade de profissionais da área e inspirar o ecossistema de startups.

E no final, o 2º Mobile Marketing Brasil cumpriu todas essas expectativas. Mas também foi além.

Se você não esteve presente no dia,  nem teve a oportunidade de assistir a transmissão ao vivo, não se preocupe.

Aqui nesse post e nos próximos iremos contar tudo o que aconteceu. Vamos começar pelo painel de Mobile Growth que levantou pontos interessantes sobre o tema e inspirou os profissionais da plateia a conquistarem resultados melhores.

 

 

Bruno Felix, Founder & Chief Commercial Officer da RankMyApp

Bruno Felix, Founder & Chief Commercial Officer da RankMyApp durante abertura do 2º Mobile Marketing Brasil

 

Mobile Marketing Brasil: Quer crescer? Olhe para o Analytics

Mais de 200 participantes estavam presentes quando o fundador da Gama Academy, Guilherme Junqueira, abriu o painel sobre Mobile Growth com os profissionais:

E em se tratando de Growth, nada mais natural do que começar falando sobre métricas. E em se tratando de análise de dados, como não falar do Mobile App Analytics?

Todo bom profissional de Mobile Marketing sabe que o caminho mais curto entre a divulgação do app e a conquista dos resultados é acompanhar as métricas.

Acontece que muitos sentem dificuldades na hora de colocar esse princípio em prática. Claro que acompanhar métrica pode ser desanimador. Afinal, quem gosta de ver a queda da base instalada?

No entanto, um empresa que tira proveito dos dados e números, organiza as informações e transforma ideias em ações concretas – consegue chegar aonde quiser.

As métricas de Mobile App mensuram aquisição, envolvimento e resultados – como compras no app. Mas os painelistas ressaltaram a importância de desfocar de algumas métricas habituais (como custo de instalação) e redirecionar seus esforços para retenção do usuário desde Day01 até o Day30, por exemplo.

“Isso porque seu app pode ter o melhor custo de instalação possível. Mas se a pessoas instalarem simplesmente para ganhar um bônus e depois desinstalarem no dia seguinte, você jogou dinheiro fora”, Anderson Kenji, da Movile.

mobile-marketing-brasil-painel

Guilherme Junqueira (Gama Academy), Juliana Assunção (RankMyApp), Allan Kajimoto (Kekanto), Wellington Tamaki (Google) e Anderson Kenji (Movile) durante painel

ASO: Uma das melhores estratégias para Mobile Growth

Claro que o App Store Optimization (ASO) não poderia ficar fora do debate.

Juliana ressaltou que o ASO é uma das estratégias mais rentáveis em termos de aquisição de usuário.

App Store Optimization (ASO)  é um conjunto de boas  práticas, assim como o SEO, para otimizar o aplicativo e melhorar seu posicionamento dentro das buscas nas app stores. Ou seja, fazer com que seu app seja encontrado na busca orgânica dos dispositivos.  

No entanto, enquanto o SEO atua na definição de títulos e na meta descrição, o App Store Optimization (ASO) permite otimizar os elementos on-site (título, descrição e screenshots) e influencia outros elementos, como por exemplo, os ratings e reviews.

O ASO está ganhando mais adeptos a cada dia e figura como uma forma complementar da aquisição paga – mais ou menos na mesma linha das estratégias de marketing digital que aliam mídia paga (ads) e busca orgânica nos mecanismos (como o Google).

Mobile Growth: Dicas de quem entende do assunto

Confira ainda outras dicas dos painelistas:

  • Aquisição paga de usuários é uma boa estratégia, se você tem em mãos um mecanismo de resposta direta;
  • O App Store Optimization (ASO) é uma forma rentável de conseguir usuários organicamente através da otimização da página do app nas stores;
  • Acompanhe as estratégias dos profissionais à frente dos apps de games tanto em termos de mídia quanto de análise de dados;
  • Leia os reviews e interaja com simpatia com seus usuários;
  • Se você pretende ganhar dinheiro com ads, acostume seu usuário desde o começo. Depois é difícil virar a chave;
  • Teste sempre as mudanças que você faz no seu app;
  • Revise sempre a estratégia de push. Talvez as maiores taxas de abertura estejam naqueles que enviam ofertas para seus usuários e não apenas notificações.

Esse foi um resumo do que foi levantado e discutido no Painel de Mobile Growth da 2º Mobile Marketing Brasil! Acompanhe aqui no blog da Rank outros conteúdos sobre o evento.

E então, tem algum comentário sobre o assunto? Aproveite e deixe sua opinião!